segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Feliz Aniversário


Faço aniversário mês que vem e me pego pensando nos “Feliz Aniversário”. Como mudou!
Agnaldo Sampaio, o calça-curta, talvez nem se lembre mas já me deu de presente de aniversário um mágico! Com cartola coelho e tudo!
Ganhei uma vez uma caixa de orquídeas hollywoodiana! Tinha tipo... um metro e vinte de comprimento!
Quando aquele namorado meigo me perguntou o que eu queria de presente, fiz uma lista. Do que não queria. E ele arraZou!  Me enviou numa caixa dezenas de coisas, desde caneta a pratinho com desenho de Toulouse Lautrec.  Teve a fivela de cabelo. O conjunto de canetas tinteiro e esferográfica.  O anel de formatura em piano. Os bilhetes que as amigas deixaram por todo o meu quarto – escondidas e escondidos – e que fui achando dias seguidos. Receber telegrama então... o máximo! Tenho váááááários guardados! Enfim, felizes aniversários não vem junto com o presente, mas ouvir, ler, saber que alguém lhe deseja um dia feliz parece muito importante pra maioria das pessoas.
Passagem de tempo.
Legenda: muitos anos depois...
Facebook. Dedo duro entrega solenemente quando um dos meus amigos está “completando anos” e lá vou eu pensar no que escrever. Às vezes é bico... ta na cara... a pessoa já vem nas letrinhas. Às vezes a pessoa é mais um pouco e eu quero caprichar. Aí demora. Escrevo, reescrevo, edito, tiro, deleto, começo novamente... até que vai.  Às vezes então... um parto!
Gosto de colocar flores nos votos de Feliz e juntei tantas imagens que tenho floriculturas espalhadas pelos arquivos. Depois virou moda e deixei de colocar mas sempre tento achar uma imagem, uma frase, uma foto bacaninha pra dizer Feliz Aniversário (gosto de ser original...sabia não né?...)
Só que não.
De uns tempos pra cá noto que “as pessoas” não respondem mais. No dia seguinte ao aniversário você vê lá no face da creatura: “Gostaria de agradecer um por um os votos de Feliz Aniversário mas...”   Ou “agradeço a todos que tiraram um tempo para...”   Davidson Botelho tascou logo o número “agradeço as 1600 e não sei quantas mensagens”  que é pra humilhar a gente mesmo... (como se aquela HD fosse pouco...)
Raras e honrosas exceções respondem todas as mensagens, mas já vi delicadezas maravilhosas tipo “Gente, vou demorar dias pra responder a todos vocês, mas faço questão...”   e já vi gente que durante o dia do aniversário mesmo fica on line o tempo todo e responde na hora – via qualquer desses 300 e 18 métodos que existem hoje.
Fato é que, por conta do meu ego gigante, fiquei “xatiada” de não ter resposta individual aos meu votos de Feliz Aniversário e tomei uma atitude radical: deixei de escrever!
Me arrependo, claro... mas introjetei tanto isso que ignoro o que o face teima em me lembrar e perco a chance de demonstrar o quanto gosto, o quanto admiro e o quanto desejo o bem daquele aniversariante daquele dia.  Desejar eu continuo desejando – mas a pessoa fica sem saber. Como se eu estivesse temporariamente muda, telefonasse, não dissesse nada e desligasse o telefone.
Também não responder é como ligar para o aniversariante e atender uma gravação “obrigada por lembrar do meu aniversário...”
De qualquer forma, tentando ser justa com todos que eu não desejei feliz aniversário  e com os que eu desejei e fizeram agradecimento geral, tirei a data do meu aniversário do face.  É. Tirei. Não vou ser tão radical a ponto de bloquear minha linha do tempo (meu ego não agüentaria tanto) mas se esse dedo duro aqui te contar que dia completo mais uma ano de vida foi por conta dele! Não fui eu!

Em tempo: hoje é aniversário de Sergio Carneiro (que vai responder genericamente a todos amanhã); de Cássia Arriaga – minha primeira estagiária e que adoro de todo jeito; de Isabela Oliveira que é fotógrafa e trabalha com a arte na Fundação Mario Cravo;  de Kiki Meirelles, arquiteta talentosa e fofa; de Clécio Max jornalistão dos bons e de Jutahy Jr – que está on line e que deseja, “do próprio punho”, feliz aniversário aos amigos do face! Dá-lhe Jutahy! Que sabe como funciona a brincadeira...

Em tempo 2: Pra você, Feliz Aniversário! Seja lá que dia for!




Marcadores:

1 Comentários:

Blogger Rosana Zucolo disse...

Pois então...tempos que mudam aceleradamente. Também prefiro os tempos antigos e me sinto atropelada pelo mundo virtual sem etiquetas. Nessa semana chegaram aqui cartões de natal, daqueles pintados com a boca. Todo ano juro que vou usar os correios, todo ano me vejo em cima do laço a enviar cumprimentos pelo email.
Por isso também resolvi responder o post por aqui, onde se tem mais tempo para pensar. Besitos

14.10.13  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial












A chic é Rosana
Não usa pretinho
pra não dar pinta





Denis
coluna tranqüila
e coração ereto






Tássia
pin up e lambe-lambe
Lambe cria






Dorotéia
só escreve em italic







Paula Bolzan






Nívea Bona
Marca compasso
Vem pro abraço






Marina Victal
Mineira apresenta armas
Espada em punho








Melhores de 2008
Em 2009 eu vou...
Melhores de 2009
Em 2010 eu vou...
Melhores de 2010
Em 2011 eu vou...
Melhores de 2011
Em 2012 eu vou...
Melhores de 2012
Em 2013 eu vou...
Enviado Divino
Meu Primeiro Professor









    I Clichê


    II Clichê


    III Clichê


    IV Clichê


    V Clichê


    VI Clichê




      Assinar
      Postagens [Atom]