sexta-feira, 5 de junho de 2009

Toda vez que assisto telejornal me sinto uma idiota. Ou pior, completamente solitária. Única no desespero. Senão, como explicar o tratamento que a China recebe do mundo inteiro depois do que ficou conhecido como "O Massacre na Praça Paz Celestial"... "Explica, mas não justifica". Revi a cena do jovem estudante parado - parando - a fila de 5 canhões ou carros-canhões. Lindo ver que o motorista do canhão desvia. Hoje contei mais de dez segundos de cena estáticos. Parados. Os canhões e o jovem de camisa branca, com uma mochila em uma mão e o que parece ser uma jaqueta na outra. Conte devagar até dez ... com o mundo inteiro vendo ... e ... nada aconteceu. Nem me lembrava o que acontecia depois: o rapaz sobe no carro-canhão. E a China massacrou. Nós dissemos chocados: em pleno Século XX... É. Foi. E depois de um tempo, o mundo se curvou a tudo da China na abertura das Olimpíadas. Tudo principalmente poder, e uma brilhante demostração de inteligência. A Sabedoria Oriental usada pelos chineses para o bom do comunismo e o bom do capitalismo. Bom para quem tem o poder. Aos milhões de outros, nem hotmail. Depois vejo Lula em Abrolhos. Não sei o que ele foi fazer lá nesta época sem baleias. Mas sei que o programa Baleia Jubarte é bancado pela Petrobrás; sei que autorizaram a construção de um poço para prospecção de petróleo perto demais do arquipélago; sei que o Pres da Petrobrás é amigo irmão do gov baiano - o mesmo Pres que tem uma CPI nas costas; e sei que a MP da Amazônia está pousada na mesa do Lula no dia mundial do meio ambiente, faltando só a assinatura dele, porque a MP foi aprovada sim. Dando direito a quem tem terra na floresta, vender a terra. Quem tem mais terra, tem mais tempo pra vender do que quem tem menos - valorizando o produto, ou mesmo não vendendo. A Ex Ministra Marina Silva dá banho nos discursos - e não só nos discursos - Que dignidade tem aquela mulher! E me pego relembrando o tempo que o Petty tinha no SP2 um adesivo onde se lia "Pela Demarcação das Terras Indígenas". Mas isso foi no Século passado. Agora, um avião, cheio de tecnologia, indo para a sempre sonhada Paris, desmaterializa no ar. E o socorro decola do Senegal. Da África. Daquele continente para o qual o mundo - também - dá as costas. A mesma África dos Diamantes de Sangue. A mesma de Darfur. A mesma da Copa do Mundo de Futebol. A mesma da Luanda que Tassita viu ouviu sentiu e por ela chorou. E aí me lembro que é a Africa de Mandela. Me lembro que é a China do Dalai Lama, e que é a Amazônia de Chicos e Marinas. E eu preciso fazer alguma coisa além de ver telejornal.

Marcadores:

2 Comentários:

Anonymous Rosana disse...

Meninas, vejam aqui: http://www.youtube.com/user/homeproject

5.6.09  
Anonymous Tassita disse...

Lindo esse post.
Muitas vezes sinto o mesmo.
Adoro vc, um beijo.

5.6.09  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial












A chic é Rosana
Não usa pretinho
pra não dar pinta





Denis
coluna tranqüila
e coração ereto






Tássia
pin up e lambe-lambe
Lambe cria






Dorotéia
só escreve em italic







Paula Bolzan






Nívea Bona
Marca compasso
Vem pro abraço






Marina Victal
Mineira apresenta armas
Espada em punho








Melhores de 2008
Em 2009 eu vou...
Melhores de 2009
Em 2010 eu vou...
Melhores de 2010
Em 2011 eu vou...
Melhores de 2011
Em 2012 eu vou...
Melhores de 2012
Em 2013 eu vou...
Enviado Divino
Meu Primeiro Professor









    I Clichê


    II Clichê


    III Clichê


    IV Clichê


    V Clichê


    VI Clichê




      Assinar
      Postagens [Atom]