quinta-feira, 1 de maio de 2008

'PELADA" DE BOM GOSTO

Infalível! Toda a pelada de bom gosto passa na vitrine, olha, gosta, entra para ver, pergunta o preço, e pimba! É o mais caro da loja! Pode testar! Mulher de bom gosto escolhe com classe. Tem faro para coisas boas. E entenda-se bem: bons produtos, elegantes, com estilo, que agradam os olhos e a alma. Isso não é luxo nem consumismo! É ter um certo sendo estético mais apurado. Como me situo dentro dessa categoria de gente ( e sem modéstia, tá?), sempre esbarro no problema da grana. Por que raios o bom gosto tem que custar os olhos da cara? A última empreitada foi durante a interminável espera em aeroporto - onde claaaro, qualquer porcaria sai pela hora da morte! Já tinha lido tudo o que carregava na mão, passado na livraria e comprado um livro(caro) e tomado um café(caro) com um pãozinho de queijo(caro), entrado num cyber (caríssimo) para avisar que não me esperassem porque não sabia quando iria chegar. Foi quando resolvi me distrair com as vitrines. Ah, as dos aeroportos são lindas. Uma mais bonita do que a outra, e arrumadas milimetricamente num convite a entrar. Mas macaca velha sabe que apesar do apelo aos olhos, obras de arte e artesanato que na fonte custam, muitas delas, centavos, ali saem por mils reais. Bem, foi numa dessas lojinhas lindinhas que eu entrei e fui checar as camisas de cambraia de linho com rendas de bilro. Adoro usá-las! Tenho várias trazidas de Salvador e Fortaleza - direto da fonte e de algumas atravessadoras amigas. E estas eram caprichoas, modelitos em tons pastéis com as rendas em degradê de verde ou terracota. Me encantei! Fui experimentar, porque os olhos não bastam. Depois da sétima, resolvi ver o preço. Cada blusita custava a bagatela de 570 reais. Bem...umas estavam grandes na cava e as outras apertadas no busto... estou num tamanho transitório... Fica para uma próxima visita, querida! Pensam que acabou aí? Nãooooo! Pelada que se preza tem que ir adiante. E lasca a ver as jóias da H Stern ...apenas para rir um pouco... Ali tem de tudo. Do design mais sofisticado ao luxo mais grotesco, a depender do gosto do cliente...com dinheiro, diga-se de passagem. Assim, passo os olhos nas peças, gostando de apenas de algumas como o relógio que custa duas vezes o meu salário! Eis que o olhar refinado se depara com um conjunto de águas marinhas e prata traduzidos numa singela gargantilha e num par de brincos. Discretíssimos , elegantes e delicados, com aquela cor verde azulada a hipnotizar qualquer passante distraído que ouse pousar os olhos ali. O brilho fascinante que te percorre e preenche a alma... cheia de cobiça! Queridas e queridos leitores ( nossos poucos, mas fiéis) o conjuntinho básico custa só 16 mil e 800 reais! O velho rico do Alegrete que vivia( e morreu) de pijama e chinelas a escovar o seu cavalo todos os dias, tinha razão ao responder ao apelo de seu vizinho - um pobre e cosmopolita professor de geografia - , para que usasse o dinheiro para viajar e conhecer o mundo. Ao que ele respondia num muxoxo: - É...mais um pelado de bom gosto!

Marcadores:

1 Comentários:

Blogger Tássia Novaes disse...

Sem dúvida, bom gosto é a tua marca registrada. Falou em camisas de cambraia de linho e imediatamente te vi de pé na minha frente =)

2.5.08  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial












A chic é Rosana
Não usa pretinho
pra não dar pinta





Denis
coluna tranqüila
e coração ereto






Tássia
pin up e lambe-lambe
Lambe cria






Dorotéia
só escreve em italic







Paula Bolzan






Nívea Bona
Marca compasso
Vem pro abraço






Marina Victal
Mineira apresenta armas
Espada em punho








Melhores de 2008
Em 2009 eu vou...
Melhores de 2009
Em 2010 eu vou...
Melhores de 2010
Em 2011 eu vou...
Melhores de 2011
Em 2012 eu vou...
Melhores de 2012
Em 2013 eu vou...
Enviado Divino
Meu Primeiro Professor









    I Clichê


    II Clichê


    III Clichê


    IV Clichê


    V Clichê


    VI Clichê




      Assinar
      Postagens [Atom]