quarta-feira, 8 de julho de 2009

Popstar funeral [2]

Na passarela do Iguatemi, em Salvador, todos os vendedores ambulantes estão abarrotados de Cds e DVDs de Michael Jackson. O mesmo deve estar acontecendo em todas as capitais do mundo. Assisti a cerimônia inteira pela tv. Achei incrível. Sincero e de bom gosto. Acho que Michael não estava ali dentro daquele caixão de outro maciço, avaliado em 25 mil dólares, o mesmo usado no enterro de James Brown. Não importa. Foi emocionante de qualquer forma. Paris é carismática. Agora muita gente vai repensar as asneiras e acusações ditas até então. Muita gente parou pra prestar atenção no que realmente interessa: a obra do artista A família Jackson não me parece muito diferente da família Silva, meus vizinhos. São 7 irmãos negros talentosos, raladores, uma mãe zelosa e um pai repugnante. Eles - que pareciam viver em pé de guerra diariamente - deram show de união e sobriedade no enterro do polêmico caçula. Foi um acidente de moto. Achei engraçado o comentário de Jorge Pontual, correspondente da Globo em NY, no final da cerimônia. Ele disse que, para os anônimos que estavam na platéia, o tributo foi impactante, uma experiência que jamais será esquecida. Comovido, largou a capa de repórter e declarou que a partir daquele momento começou a ser fã de Michael Jackson. Fantástico. Fazia séculos que eu não via Brooke Shields. Assusta vê-la aos 40, embora continue muito bonita. Não sabia que seu corpo tinha ganhado músculos torneados. Tá bonito, mas pra mim, ela será eternamente Lagoa Azul. Foi uma ótima idéia não permitir que os convidados levassem cartaz para dentro do Staples Center. Eu não conhecia os filhos de Martin Luter King. Gostaria de ter visto Quincy Jones naquele palco. Que a precoce morte de Michael sirva ao mundo uma lição: pense duas vezes antes de consumir uma informação. Há muitos meandros por trás de uma notícia, principalmente quando há holofotes: pessoas geniais, além de alegria, admiração, causam incômodo, inveja. Celebridades constantemente são alvos de qualquer coisa: glória ou destruição. Aquilo que se entende como 'mídia' - o conjunto de veículos de comunicação espalhados em todo o mundo, não é apenas um canal de informação. É um ser vivo. Com voz imponente e vontade própria. Tratem as celebridades como se costuma tratar aquele calado vizinho de porta. Você só conhece o rosto porque o vê todo dia saindo pro trabalho. Não sabe o que há dentro do apartamento. No máximo, vê um pequeno detalhe dos móveis, da decoração pelo rápido abrir e fechar da porta. Evite julgamentos precipitados em torno do caráter ou da personalidade de uma pessoa que você sequer conhece. Somos muito mais complexos do que aquilo que mostra nossa face. Conviva um pouco mais antes de julgar. Do contrário, prefira o bom senso: silêncio. P.s.: Gostaria de ler um texto de Divina Denis sobre o assunto

Marcadores:

6 Comentários:

Anonymous Rosana disse...

Eita guria do texto bom, seo!

8.7.09  
Blogger Carla Arend disse...

clap, clap, nem assisti e vi tudinho aqui. hehe

8.7.09  
Blogger Lucas disse...

eu consumi ao vivo mesmo

9.7.09  
Blogger Ari disse...

Bacana, Tassinha! Agora, essa menina! A situação tava feia mesmo. Quer dizer que o caixão era emprestado, é? Rapá!!! Pq não fizeram uma vaquinha pra comprar um brand new?

9.7.09  
Anonymous a repórti disse...

Asneira?
Mas ele não é o mostro do lago??? Quer dizer, do parque???
Sei não. Todo mundo é santo depois que morre. Sei não. Ainda desconfio.

9.7.09  
Blogger tássia disse...

kkkkkkkk. porra, seo ari. se essa moda pega a gente tá fudido. imagina:
- ei, você que foi primeiro! já que não lhe serve mais, me empresta o seu...

rsrsrs.

na verdade, não me fiz entender direito. é o mesmo modelo de caixão usado por Brown.

cada um no seu quadrado.

9.7.09  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial












A chic é Rosana
Não usa pretinho
pra não dar pinta





Denis
coluna tranqüila
e coração ereto






Tássia
pin up e lambe-lambe
Lambe cria






Dorotéia
só escreve em italic







Paula Bolzan






Nívea Bona
Marca compasso
Vem pro abraço






Marina Victal
Mineira apresenta armas
Espada em punho








Melhores de 2008
Em 2009 eu vou...
Melhores de 2009
Em 2010 eu vou...
Melhores de 2010
Em 2011 eu vou...
Melhores de 2011
Em 2012 eu vou...
Melhores de 2012
Em 2013 eu vou...
Enviado Divino
Meu Primeiro Professor









    I Clichê


    II Clichê


    III Clichê


    IV Clichê


    V Clichê


    VI Clichê




      Assinar
      Postagens [Atom]